sábado, 21 de julho de 2007

O valor da vida






Pelo maior respeito que por ti tenho!
Fica aqui a fotografia que simboliza, o que realmente tu és!
Não tenhas vergonha, já foste mais bela, agora o tempo mudou tudo.
A tua pele ficou branca e agora as veias querem sair fora do teu corpo.
Com um brilho nos olhos festejas o teu 96º aniversário.

Consigo contar pelos dedos os passos que caminhas por dia.
Noto que és feliz quando vês as tuas novelas. É o teu entretenimento.
Agora que as horas, minutos e segundos não interessam, tu vives!
Descansas o que trabalhas-te numa vida, agora és mais valiosa que nunca.


Para a minha Eterna bisavó.
Gracinda.

8 comentários:

joao r. disse...

ah, grande post tulio!!

gostei da composiçao, e sei o trabalho que deu..
aha " ó joao como é que eu junto as imagens?"

parabens a senhora entao! ;)

Fotografia entre nós disse...

granda fábio!
muito gira a senhora e a combinaçao de fotos esta muito boa...
*a segunda foto esta brutal

Fotografia entre nós disse...

gosto da ideia mas acho mas a composição não me agrada tanto a 2 fotografia por ser um grande plano faz com que as outras outras 2 se percam um pouco . mas talvez seja essa a tua intenção .. .
kel

Túlio disse...

Em resposta ás duas pessoas:
-JON eu sabia juntar faltava era um pormenor (aquilo tava em custom)
-RAQUEL a ideia era ter vários pedaços da minha avó, todas com enquadramentos diferentes. é engraçado que a fatiota é o que nos faz entender ser a msm pessoa. :)

Fotografia entre nós disse...

sim tulio mas a coisa da fatiota nao esta em causa...

a foto esta 55555****!!.. i issso acaba por eliminar a minha observação pelas outras duas .. mas a 1ª coisa quando olho para ela é a tua 2ºft, tipo a composição fazia diferente ... mas nao contesto é a tua criação é só o meu ponto de vista
bjk:)
kel

Fotografia entre nós disse...

lool é melhor falarmos pessoalmente nao estou a conseguir explicar-me bem.

Raquel disse...

Nascemos, crescemos, envelhecemos e morremos. Eis quatro etapas da nossa existencia que nos levam a reflectir sobre a vida. Inicialmente, tudo nos parece belo: O nosso corpo é belo, a nossa cara é bela, levamos uma vida bela, o futuro que nos reserva é belo..belo, belo,belo.
Depois deparamo-nos com as primeiras, segundas, terceiras... dificuldades que a vida nos oferece. Quanto a isso... temos que as aceitar, superar e aprender.
São com estes desafios, lições, alegrias, tristezas.. que nos vamos tornando maduros. Este amadurecimento tem como sinonimo o aparecimento das rudas, das veias que falas, dos movimentos presos..enfim...a velhice.

Bem...concluindo... enquanto jovens, tudo à vossa volta é belo, no final da vida O BELO está dentro de cada um.

Ana__pita disse...

grd composiçao de imagens...
ja senti o mesmo e percebo te perfeitamente...

e o k eu digo, tas la moco... tas mm la!

parabens a ambos, apesar de ja ir bastante atrasada para a vovo...

ana***